segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Livro Tabajara a Rádio da Paraíba, resgatando a memória do rádio paraibano

Este livro nós organizamos a partir de 1996, com gravações de entrevistas. em 2002, finalmente a obra foi lançada pelo Governo da Paraíba (1.000) exemplares. Ainda hoje está disponível no Sebo Cultural, em João Pessoa. 


Tem sido fonte de pesquisa de estudantes. A coletânea tem dezenas de textos e fotos que contam a história da Rádio Tabajara a mais antiga da Paraíba e uma das 100 mais antigas do Brasil. Desde 2002 recebo comentários sobre o livro que resgata um pouco a memória da velha PRI-4. Em 25 de janeiro próximo a Tabajara AM completa 75 anos de fundação.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Os 75 anos da Rádio Tabajara

No dia 25 de janeiro de 2012 a Rádio Tabajara AM (frequência 1.110) completará 75 anos de fundação. Este blog organiza uma matéria especial com fotos e áudios registrando as sete décadas e meia da mais antiga rádio da Paraíba e uma das 100 mais antigas do Brasil. Aguardem esse documentário.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

A Rádio Tabajara vai homenagear o músico, compositor e instrumentista cabedelense Wilson do Bandolim

O programa Alô Comunidade é transmitido por sete emissoras comunitárias espalhadas pelo Estado, além da própria Rádio Tabajara AM, 1.110 MHZ, com edições semanais aos sábados a partir das 14 horas. Durante o programa, são executadas várias músicas de artistas da Paraíba, de forma contextualizada. No programa deste sábado (26), serão realçados os trabalhos do músico, compositor e instrumentista da cidade de Cabedelo, Wilson Florentino Machado, o Wilson do Bandolim, que será homenageado em dezembro pela Câmara Municipal de Cabedelo com o troféu Honra ao Mérito Cultural.

O programa deste sabado será apresentado por Fábio Mozart e Adriana Felizardo, contando ainda com a participação especial de Wellington Costa, sonoplastia de Marcelo Ricardo, produção de Dalmo Oliveira e Fabiana Veloso, reportagens de Marcos Veloso e parceria com Rádio Tabajara da Paraíba, Rádio comunitária Diversidade, rádios Acauã, Voz Popular, Lagoa FM, Araçá, Vale do Paraíba e Rádio Comunitária Independente do Timbó, o programa Alô Comunidade também é retransmitido por diversos blogs e sites da internet.

www.soltandooverbo.com.br

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

No ar, A Palavra é Educação

Toda sexta-feira a partir das 7h a Rádio Tabajara apresenta o programa A Palavra é Educação. Veja os temas  desta sexta-feira.

- JORNAL FOLHA DE SÃO PAULO DESTACA A PARAÍBA COMO MELHOR REMUNERAÇÃO DE PROFESSORES DO NORDESTE//

- GOVERNO DO ESTADO DIVULGA RESULTADO DOS EXAMES SUPLETIVOS DOIS MIL E ONZE NA PRÓXIMA SEMANA//

- DIVULGADA RELAÇÃO DE SELECIONADOS PARA ENTREVISTA DO PSS DAS GERÊNCIAS DE GUARABIRA E CUITÉ//

- SESQUICENTENÁRIO REALIZA BIENAL DE ARTES COM A PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE ESCOLAR //
---
- ESCOLA MARIA GENY REALIZA GINCANA CULTURAL SOBRE EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO//

- GOVERNO REALIZA CURSO DE FORMAÇÃO DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA//

- AULAS DO CURSO “EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ETNICORRACIAIS COMEÇAM HOJE//

- ALUNO DA REDE ESTADUAL REPRESENTA A PARAÍBA EM CONCURSO DE REDAÇÃO DO SENADO//


- NO QUADRO DICA DE LEITURA SABEREMOS MAIS SOBRE O LIVRO INFÂNCIA, DE GRACILIANO RAMOS. QUEM VAI NOS CONTAR É A PROFESSORA ALEXSANDRA REGINA, DA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL MARIA GENY, DE JOÃO PESSOA.

- E MAIS: TODAS AS SEXTAS-FEIRAS PREPARAMOS UMA DICA ESPECIAL PARA OS ALUNOS DO PBVEST. HOJE VAMOS OUVIR O PROFESSOR DE HISTÓRIA DO PBVEST, WALDEMIR PINHEIRO, QUE VAI FALAR SOBRE O FEUDALISMO.

sábado, 5 de novembro de 2011

Programa da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares entrevista poeta cordelista de Princesa Isabel



Valbam Lopes de Araújo, poeta, cordelista e artista popular; é natural de Princesa Isabel e autor de vários trabalhos de alta linhagem poética, dentre os quais, Os maxixes de Edgar, publicado e lançado nas cidades de São Paulo, João Pessoa e Princesa Isabel em 2006. Em 2005 venceu o primeiro concurso de poesia encenada do SESC-PB, com o poema Lambe-lambe na Praça, trabalho este em memória aos retratistas e fotógrafos das praças e feiras livres do país.
Em 2009 recebe o titulo de cidadão pessoense, concedido pela Câmara Municipal de João Pessoa em reconhecimento aos seus trabalhos literários na capital. Desde menino, esse poeta já era reconhecido pelas suas performances poéticas, suas intervenções culturais nas feiras, escolas, rádios, eitos de trabalhadores, jogos de futebol e outros espaços populares, onde aprendeu rapidamente a valorizar a linguagem do povo sertanejo, seus causos e memórias.
Agora, este poeta acaba de editar pela UFPB, mais uma obra prima do gênero: “O encontro de Ronco Grosso com o Tranca Rua de Jacobina”. Nesse desafio, o poeta descreve a epopeia de um guerrilheiro sertanejo, fazendo valer com bravura, a justiça social sobre um poder público demente.

Valbam será um dos entrevistados do programa ALÔ COMUNIDADE deste sábado, 5 de novembro, às 14 horas, na Rádio Tabajara da Paraíba. (1.110 AM).

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Vozes do Rádio

Memória Radiofônica - Quando eu trabalhava no projeto do livro Tabajara - 65 anos  - A Rádio da Paraíba, obra publicada em 2002 e ainda à venda no mercado, gravei diversas entrevistas com grandes nomes do rádio. Estou digitalizando esses áudios que fazem parte da história da radiofonia paraibana. Vou selecionar alguns trechos e postar neste blog.

Temos entrevista com o maestro Severino Araújo, da Orquestra Tabajara, gravada em João Pessoa em 1995. Vamos disponibilizar trechos de entrevistas com Ana Paula, Mércia Paiva, Zé Pequeno, Marlene Freire, Walter Lins, Walter Cartaxo, Airton José, Spencer Hartman, Francisco Ramalho, Ivan Bezerra, Geraldo Cavalcanti e diversos outros nomes que, ao microfone, escreveram e escrevem a história da mais antiga emissora de rádio da Paraíba e uma das 100 mais antigas do Brasil.

A primeira entrevista que você pode ouvir a partir deste 3 de novembro de 2011 é a que fiz com Geraldo Cavalcanti em 29 de julho de 1996, na Rádio Tabajara, na companhia de Abelardo Marinho de Menezes, considerado um grande conhecedor da história da Tabajara, a antiga PRI-4. São 60 minutos de memória da radiofonia paraibana. Geraldo faleceu este ano. 


Clique aqui e confira o áudio

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Dupla de repentistas Paulo Cruz e Manoel Alves comanda programa vespertino da Rádio Tabajara

Cânticos da Natureza
Objetivo é divulgar as expressões artísticas populares do Nordeste brasileiro

Vanessa Furtado
Vanessafurtado.jp@gmail.com
foto: Evandro Pereira/A União

Improvisação, espontaneidade, inspiração. Dominando essas características de forma singular, os repentistas ou cantadores de viola mantém-se como as figuras mais populares do Nordeste brasileiro. A capacidade de arranjar com rapidez os mais diversos temas (amor, saudade, sertão, descrições, críticas políticas), em frases harmônicas e ao som da viola, conquista públicos de todas as idades e mantém acesa a chama da cultura popular.

Não se pode precisar exatamente quando surgiram, mas pesquisadores revelam que a partir do século 19 é possível encontrar ricos registros dessa modalidade cultural. Transmitido em geral pelas relações de “hereditariedade” ou adquiridos a partir do autoaprendizado de jovens sertanejos, o repente mantém a dinâmica do “desafio” como incentivo.
Para manter a tradição do repente, a Rádio Tabajara 1110 AM dedica uma hora de sua programação, de segunda a sexta-feira, a artistas que cantam a Paraíba. Apresentado por Paulo Cruz e Manoel Alves, o programa Cânticos da Natureza vai ao ar das 17h às 18h e mescla repente, forró e as mais diversas expressões artísticas populares nordestinas.
“O programa estreou em 13 de julho e tem sido um sucesso. Assim como as notícias há tempos atrás eram passadas através das cantorias pelo rádio, nós comandamos um ambiente onde a poesia popular é respeitada e produzida com entusiasmo”, explicou Paulo Cruz. Poeta popular há mais de 20 anos, Paulo Cruz se uniu ao mestre Manoel Alves que há mais de 30 anos vive do encantamento que seus versos trazem às pessoas e juntos se destacam no cenário paraibano. “Cada um seguiu seus próprios caminhos e se firmou de uma maneira. Agora nos unimos e, improvisando, vamos alcançar novos objetivos e levar as canções populares para os mais diferentes locais em toda a Paraíba”, disse Manoel.

HISTÓRIAS - Ainda criança, no município de Guarabira, Manoel Alves começou a escrever versos para apresentar em datas comemorativas, como Dia das Mães e Dia do Professor, e os cantava do mesmo modo que ouvia no radinho de pilha de sua casa. Quando o pai, Lourival Alves, lhe presenteou com um violão, Manoel sentiu que o seu sustento partiria do som daquelas cordas.
“A partir daí comecei a aprender a afinar e tocar o violão e a me entrosar com poetas já conhecidos no Brejo do estado”, explica. Em pouco tempo, o jovem que antes frequentava as feiras livres para presenciar a construção dos versos, passou a se apresentar em bares, casas de cantoria popular e festivais.
Destacando-se pela sutileza dos seus versos, o poder de seus improvisos e pela multiplicidade temática, Manoel participou de festivais em diversas cidades do Brasil, obtendo importantes prêmios. “Os mais importantes festivais acontecem no Nordeste, em especial na Paraíba e Pernambuco, e sempre obtenho bons resultados neles. Participei ainda de festivais no Maranhão, Pará e Rio de Janeiro, concorrendo com os melhores repentistas do país”, revelou.
Com Paulo da Cruz, a história é diferente. Apesar do gosto pela cultura popular ele confessou que o repente não lhe agradava. “Eu gostava de música, mas não das rimas. Apesar disso meu pai fez um violão e, quando me mudei de Cajazeiras, onde nasci, para Campina Grande, passei a conhecer o universo dos cantadores e a aprender com eles”, lembrou.
Apesar de profissionalizar-se e de participar de diversos festivais em cidades do interior da Paraíba e de se apresentar em festas, Paulo resolveu ir para São Paulo (SP) em busca de melhores condições. “Trabalhei em uma indústria de descartáveis e fui segurança noturno em uma metalúrgica. Logo que consegui recursos para retornar à Paraíba e construir meu lar eu voltei e pude tornar a viver do que amo e sei fazer de melhor que são as canções populares”, ressaltou.

DESAFIOS - Criado com o objetivo de vencer duelos, o repente muitas vezes era visto como um semeador da discórdia. Mas isso começou a mudar a partir da década de 1960, quando os cantadores criaram outra ética para sua arte e passaram a se apresentar em duplas, complementando e inovando as rimas.
“Atualmente nosso maior desafio é improvisar sobre os mais diversos temas e com conhecimento de causa. O público é cada vez mais distinto e ao mesmo tempo homogêneo. Precisamos realizar bonitas construções sobre assuntos cada vez mais complexos, mas estamos conseguindo”, contou Paulo Cruz.
A parceria trouxe melhores resultados que as disputas, uma vez que novos palcos para as cantorias populares têm surgido, a exemplo dos programas de rádio e televisão dedicados exclusivamente a eles. Isso possibilita que o público conheça o trabalho dos repentistas seja no interior ou nos centros urbanos. É a união entre o talento e as relações de amizade mantendo vivas as expressões culturais do povo nordestino. 

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Tabajara é 10 nas transmissões esportivas

A Rádio Tabajara AM 1.110 é a campeã de audiência nos programas da área esportiva. Aliás, a equipe nota dez da Tabajara é responsável há décadas pela difusão do nome da emissora no mundo. Os craques do esporte na Tabajara (comentaristas, narradores e repórteres) já viajaram o mundo cobrindo diversas Copas Mundiais de Futebol.

Nos jogos no Almeidão, por exemplo, 90% dos rádios sintonizam a Tabajara. A emissora tem na esquipe esportiva um de seus times nota 10. Na foto algumas dessas feras: Ivan Bezerra, Eudes Moacyr Toscano, João de Sousa, Aurélio Nunes, Franco Ferreira.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Rádio Tabajara e Liceu Paraibano

Josélio Carneiro

Eu estou apostando em dois projetos de resgate histórico. Um deles é a possibilidade do livro Liceu Paraibano – Alunos e Mestres Notáveis, um antigo projeto nosso ser publicado em março de 2012, no aniversário dos 175 anos da mais tradicional escola pública da Paraíba e uma das mais antigas do Brasil.

Idealizei essa obra ainda em 2001, creio, avancei nas pesquisas, entrevistei algumas pessoas, colhi depoimentos, resgatei fotos antigas. Sondei alguns órgãos do governo mas não tive resposta positiva. Agora sim, dias atrás o superintendente de A União, Ramalho Leite, me estimulou a concretizar a obra. Poderá ser um livro, uma plaquete ou uma revista. Vamos apresentar o projeto à Secretaria de Educação.

Não estudei no Liceu mas sua história sempre me fascinou. Quero muito finalizar esse trabalho jornalístico que sofrerá mudanças, creio, mas será certamente publicada.

O outro trabalho é que existe a possibilidade de em janeiro, nos 75 anos da Rádio Tabajara AM ser publicada uma revista comemorativa. Recebi convite para contribuir com a publicação pelo interesse que tenho na história e na preservação da mais antiga emissora de rádio da Paraíba. Estou aguardando os detalhes para colaborar com esse projeto. Lembro aos internautas que em 2002 o governo da Paraíba publicou o livro Tabajara – 65 anos – A Rádio da Paraíba. Sobre a antiga PRI-4 o internauta pode acessar o blog http://radiotabajarapb.blogspot.com.  A respeito do livro Liceu Paraibano – Alunos e Mestres Notáveis no meu blog http://joseliocarneiro.blogspot.com tem postagens sobre o tema

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Rádio Tabajara em luto

Confirmado para às 16h de hoje no Parque das Acácias, no conjunto José Américo, o sepultamento de nosso colega José Carlos, funcionário da Rádio Tabajara que trabalhava no almoxarifado. Ele faleceu ontem pela manhã. Ser corpo está sendo velado na Central de Velório Rosa de Saron, em Jaguaribe. Vários funcionários da Rádio Tabajara já passaram pelo velório. A direção da Rádio Tabajara enviou uma coroa de flores registrando o sentimento de saudades.

Zé Carlos trabalhou por mais de um ano na Secom-PB. Faleceu dentro de seu carro quando se preparava para levar o filhos à praia neste domingo. Estava com 45 anos e foi vítima de infarto. Ele morava no Alto do Mateus.

À família transmitimos aqui os sentimentos de todos os que fazem a Rádio Tabajara. Eu conheci Zé Carlos em 1989 quando ingressei na Tabajara no mês de janeiro. Perdemos um bom colega de trabalho. Que Deus cuide dele na outra vida.

domingo, 28 de agosto de 2011

Os 10 anos da Rádio Tabajara AM

Aos domingos, no jornal A União, o jornalista Fernando Moura nos brinda com seus textos e pesquisas sobre matérias do passado na coluna "Jornal de Hontem".  A manchete deste domingo 28 de agosto foi "Aos 10 anos, a Rádio Tabajara moderniza a perene tradição".

 Primeiro prédio da Tabajara, 
emissora inaugurada em 25 de janeiro de 1937
(arquivo Josélio Carneiro)

O resgate histórico da emissora e do jornal do governo da Paraíba é uma página inteira, a 24. Fernando Moura de fato resgata fatos da história da radiofonia paraibana a partir de textos de A União no ano de 1947 quando a velha PRI-4 completava 10 anos de existência.
Para quem gosta de memória como eu e tanta gente o texto de Fernando Moura nos transporta ao passado, é uma viagem no túnel do tempo. Agradeço a gentiliza do jornalista que cita meu nome e o livro que publiquei em 2000 com dezenas de fotos e depoimentos de quem fez e faz a Rádio Tabajara da Paraíba. Ele cita inclusive a passagem de Jackson do Pandeiro e Genival Macedo pela primeira emissora da Paraíba e uma das 100 mais antigas do Brasil. Guardarei em meus arquivos este documento que o autor da biografia de Jackson do Pandeiro escreveu e dedicou a Oswaldo Travassos e Marília Moreno.

A relíquia pode ser lida na íntegra no blog do jornal A União http://jornalauniao.blogspot.com. Uma boa leitura.


terça-feira, 23 de agosto de 2011

Saúde tem programa na Rádio Tabajara

 A Secretaria de Estado de Saúde (SES) agora conta com um programa semanal nas Rádio Tabajara FM 105,5 e AM 1.110. O quadro “Saúde Paraíba” será exibido todas às quartas-feiras às 6h30 da manhã dentro do Jornal Estadual, que é retransmitido em cadeia com quase 20 emissoras espalhadas por toda a Paraíba. O programete estreou na semana passada e investe em orientações e dicas de saúde, com foco nas campanhas de prevenção, combate e controle de doenças, além, naturalmente, da divulgação de ações do Governo.


A cada semana será enfocado um assunto diferente, debatido por profissionais da área. Outra novidade é a participação popular. Os ouvintes poderão interagir através de um espaço destinado a tirar dúvidas e responder a questionamentos mais freqüentes sobre a Saúde.

Para o secretário de Estado da Saúde, Waldson Dias de Souza, o programa é mais uma ferramenta que o Governo do Estado está usando para aproximar a população e dar conhecimento das ações de que vêm sendo realizadas em todo o Estado. “É um canal de divulgação e também um espaço para que as pessoas possam tirar suas dúvidas, avaliar e dar sugestões para que possamos melhorar cada vez mais o nosso trabalho e, com isso, satisfazer a todos”, afirmou o secretário.


Joelma Medeiros - Imprensa Secretaria da Saúde

terça-feira, 16 de agosto de 2011

História: Governador José Américo inaugura transmissor da Tabajara

A história da Rádio Tabajara AM é parte da história política, administrativa e cultural da Paraíba. Todos os governadores, a partir de 1937, ano de sua fundação, fizeram uso dos microfones da velha PRI-4 para divulgar suas ações de governo, realizarem seus pronunciamentos em entrevistas coletivas, solenidades.

A partir do segundo Governo Burity (1987-1991) teve início programa  semanal do governador. O nome do programa era Conversando com o Povo e o âncora era o jornalista Paulo Santos. O secretário de Comunicação do Estado era o jornalista Martinho Moreira Franco. Burity tinha interação com o ouvinte, respondendo cartas. O programa ia ao ar às 12h. Vieram então os governos Ronaldo Cunha Lima/Cícero Lucena; Antonio Mariz; Maranhão, Roberto Paulino, Cássio Cunha Lima, outra vez José Maranhão. Em 2003 Cássio inovou, mudou o horário do programa para às 7h. O entrevistador era o jornalista Adelton Alves, que também dirigiu a Tabajara.

Na foto, o então governador José Américo inaugurava os novos transmissores da Tabajara AM, na década de 1950.

 Caros internautas, participe deste blog, nos envie notas, depoimentos e fotos relacionadas à Tabajara, seja um colaborador, partilhe conosco suas informações.

Josélio Carneiro, com fotos do acervo da Fundação Casa de José Américo

sábado, 13 de agosto de 2011

Quer ouvir música de qualidade, navegue no www.recordarfazbem.com

Curta a boa música da Paraíba, do Brasil e do Mundo, no site www.recordarfazbem.com, uma das opções para seu ouvido.

Alô comunidade deste sábado terá entrevista com Pedro Osmar

O nome e a música de Pedro Osmar estão ligados a grandes nomes da MPB como Zé Ramalho, Elba Ramalho, Lenine, Vital Farias, Xangai, Chico César e Zeca Baleiro, registrados em shows e discos a partir dos anos 70. Como Artista Multimídia, tem realizado exposições individuais e coletivas com seus desenhos, pinturas, gravuras e instalações, além de divulgar seus discos em shows no Nordeste, Rio e São Paulo. Pedro Osmar é um provocador nato, atuando educativamente junto à entidades comunitárias, estudantis e culturais.

Pedro Osmar estará no programa “Alô comunidade” deste sábado, na Rádio Tabajara AM e Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares.

Programa Alô comunidade

14:hs – Rádio Tabajara AM – 1.110 KHZ

 O espaço das rádios comunitárias na emissora do Estado da Paraíba.

Acesse a Tabajara online para ouvir em tempo real:

www.radiotabajara.pb.gov.br

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Confira a programação da Rádio Tabajara FM


Carlos Vilarim, locutor da FM

PROGRAMAÇÃO DA TABAJARA FM
SEGUNDA A SEXTA:
5:00 ÀS 6:00 – Forró
6:00 ÀS 7:00 – Jornal Estadual (com Michele Veronese e Ulisses Barbosa)
7:00 ÀS 12:00 – PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba) –
12:00 ÀS 14:00 – FALA PARAÍBA – (com Célio Alves)
14:00 ÀS 18:00 – PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)
18:00 ÀS 19:00 – MENU 105 (Bossa Nova e Lounge)
19:00 ÀS 20:00 – A VOZ DO BRASIL
20:00 ÀS 21:00 – PROGRAMAS ESPECIAIS
SEGUNDA – Trilha Sonora (com Renato Felix)
TERÇA – Especial MPB (com Cristovam Tadeu)
QUARTA – Musica do Mundo (com Carla Freire)
QUINTA – Aumenta que é Rock (com Eliseu Lins e Marcos Tomaz) * Ate as 22:00*
QUINTA – Espaço Cultural (com Arthur Cabrueira) das 22:00 à 00:00
SEXTA – Transa Reagge (com Dado Belo) *até as 23:00*
FINAL DOS PROGRAMAS ESPECIAIS ATÉ AS 5:00 -  PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)
SÁBADO:
7:00 ÀS 7:30 – JUSTIÇA CIDADÃ
7:30 ÀS 8:30 – ESPAÇO ECOLÓGICO
8:30 ÀS 19:00 - PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)
19:00 ÀS 20:00 – JAZZ MASTERS
20:00 ÀS 00:00 – ASSUSTADO – MUSICA SEM INTERVALO PARA DANÇAR (com Carlos Villarim)
00:00 ÀS 5:00 - PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)

DOMINGO:
5:00 ÀS 6:00 – Forró
6:00 ÀS 8:00 – BOM DIA SAUDADE (com Jadir Camargo)
8:00 ÀS 11:00 - PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)
11:00 ÀS 13:00 – SAMBRASIL (Samba e Pagode classe A)
13:00 ÀS 17:00 - PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)
17:00 ÀS 18:00 – DETALHES 105 (Roberto Carlos especial)
18:00 A 00:00 - PROGRAMAÇÃO MUSICAL (MPB,Internacional e Musica da Paraíba)

LOCUTORES –
SEGUNDA A SEXTA – MANHÃS – Carlos Vilarim
   TARDES – Márcia Cabral
   NOITES – Gustavo Régis ou Celso                         Martins
SÁBADOS E DOMINGOS:
Rose Cavalcante, Gustavo Régis, Celso Martins e/ou Marcos Brandão.
PROGRAMAÇÃO – Berlim Carvalho

DIRETOR DE PROGRAMAÇÃO – Cristovam Tadeu
DIRETOR ADM. FINANCEIRO – Tanilson Soares
SUPERINTENDENTE – Maria Eduarda Santos






quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Confira a programa da Tabajara AM 1.110

Segunda a Sexta 
  
00:00 ÀS 04:00- SHOW DA MADRUGADA
04:00 ÀS 05:00- NORDESTE DA GENTE
05:00 ÀH 06:00- DE REPENTE VIOLA
06:00 ÀS 07:00- JORNAL ESTADUAL
07:00 ÀS 08:00- RESENHA ESPORTIVA
08:00 ÀS 11:00- ALEGRIAL MATINAL
9:00/10:00/11:00 – INFORMATIVO TABAJARA
11:00 ÀS 12:00- BOLA NA REDE 1º TEMPO
12:00 ÀS 14:00- FALA PARAIBA
14:00/15:00/16:00/17:00 – INFORMATIVO TABAJARA
14:00 ÀS 17:00- A TARDE É NOSSA
17:00 ÀS 18:00- CÂNTICOS DA NATUREZA
19:00 ÀS 20:00- A VOZ DO BRASIL
20:00 ÀS 22:00- BOLA NA REDE 2º TEMPO
22:00 ÀS 00:00- E POR FALAR EM SAUDADE

Sábado

04:00 ÀS 5:00- NORDESTE DA GENTE
05:00 ÀS 7:00- CLÁSSICOS DA MÚSICA NORDESTINA
07:00 ÀS 7:30- JUSTIÇA CIDADÃ
07:30 ÀS 8:30- O CANTO DA POESIA
08:30 ÀS 09:30- REFLETINDO A VIDA
09:30 ÀS 10:00- PROGRAMA IGREJA DAS MÊRCES
10:00 ÀS 11:00- ZONA LIVRE- UFPB
11:00 ÀS 12:00- ESPAÇO EXPERIMENTAL- COMUNICAÇÃO UFPB
12:00 ÀS 14:00- BOLA NA REDE ESPECIAL
14:00 ÀS 15:00- ALÔ COMUNIDADE
15:00 ÀS 18:30- PROGRAMAÇÃO MUSICAL
18:30 ÀS 19:00- MÚSICA CLASSICA
19:00 ÀS 20:00- SANTA MISSA
20:00 ÀS 22:00- BREGA SHOW
22:00 ÀS 00:00- E POR FALAR EM SAUDADE

Domingo

00:00 ÀS 05:00- CADEIA COM RÁDIO NACIONAL
05:00 ÀS 6:00- ACERVO TABAJARA
06:00 ÀS 8:00- DOMINGO NO RÁDIO
08:30 ÀS 9:00- MÚSICAS INESQUECÍVEIS
09:00 ÀS 12:00- BIG SHOW DO BOLINHA
12:00 ÀS 15:00- TABAJARA ESPORTE SHOW
15:00 ÀS 20:00- JORNADA ESPORTIVA
20:00 ÀS 00:00- PROGRAMAÇÃO MUSICAL

sábado, 6 de agosto de 2011

Rádio Tabajara FM completa 12 anos neste domingo 7 de agosto

Josélio Carneiro, fotos de Walter Rafael


Radialista Carlos Vilarim 
Música de qualidade e jornalismo com credibilidade marcam o perfil da Rádio Tabajara FM 105.5 Mhz,  inaugurada  aos 7 de agosto de 1999 ao som da Orquestra Tabajara, do maestro Severino Araújo. São 12 anos, completados neste domingo (7), tocando música popular brasileira, música produzida na Paraíba e música internacional de alto nível. A solenidade de inauguração ocorreu na Praça do Povo do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, quando a Orquestra Tabajara, fez apresentação especial que foi transmitida pela rádio.

Desde a inauguração a Tabajara FM leva aos ouvintes a boa música popular brasileira. Uma de suas características é abrir significativo espaço em sua programação para a música de artistas paraibanos. A superintendente das rádios Tabajara FM e AM, Maria Eduarda Santos, destaca o trabalho e a dedicação dos profissionais da emissora.

O diretor de programação Cristovam Tadeu, ressalta que a Rádio Tabajara FM “apresenta os produtos que nós, da gestão participativa, estamos oferecendo e são eles: musica de qualidade, informação e a mais pura e boa musica da Paraíba! Nossa rádio apresenta para os paraibanos toda a diversidade que existe em forma de musica e informação”, revela Cristovam Tadeu.

O real "som do novo tempo" chega trazendo novidades que vai do Musica do Mundo, apresentado pela portuguesa Carla Freire mostrando o que se toca nas rádios do planeta ao Aumenta que é Rock, apresentado pelos jornalistas Eliseu Lins e Marcos Thomás, passando pelo reagge de Dado Belo, o Assutado de Carlos Villarim, a musica de cinema de Renato Felix e o MPB Especial apresentado por mim.Tem também o Jazz Masters.

O diretor de programação da Tabajara destaca ainda o jornalismo de primeira apresentado por Ulisses Barbosa e Raquel Monteiro e o Fala Paraíba apresentado pelo competente Celio Alves.

“E por falar em Paraíba, já que estamos  fazendo 426 anos, os grandes nomes do nosso estado estão sendo lembrados em mini biografias como Paraibano Como Você. Então,  essa é ou não é a rádio que toca cultura? Parabéns todos os que fazem a Rádio Tabajara, conclui Cristovam.

Radialista Maria Eduarda, superintendente da Tabajara

No jornalismo a Tabajara FM, em conexão com a Tabajara AM, leva ao ar de segunda a sexta-feira, das 6h às 7h, o noticiário Jornal Estadual, retransmitido por cerca de 30 emissoras. A apresentação é de Ulisses Barbosa e Raquel Monteiro. Nas segunda-feira das 12h às 13 horas o governador Ricardo Coutinho presta contas das ações de governo no programa ‘Fala Governador’. O entrevistador é Célio Alves. De segunda a sexta Célio Alves apresenta o programa jornalístico ‘Fala Paraíba’, das 12h às 14h.  também são locutores da Tabajara FM Márcia Cabral, Gustavo Régis, Celso Martins, Rose Cavalcante e Marcos Brandão.

Repórteres na redação da Rádio Tabajara

Dentre a programação de noticiários destaques ainda para ‘Justiça Cidadã’, programa do Tribunal de Justiça da Paraíba, levado ao ar das 7h às 7h30, aos sábados, com produção e apresentação de Odonildo Dantas e Gabriela Parente. Logo em seguida a Tabajara apresenta ‘Espaço Ecológico’ apresentado por Clemilson Sousa e Maria Eduarda.  No sábado à noite o ouvinte pode curtir ainda os programas Jazz Masters e Assustado – Música sem intervalo para dançar. Apresentação de Carlos Vilarim. No domingo, Bom Dia Saudade, Sambrasil e Detalhes 105 (especial com sucessos de Roberto Carlos).


 Em primeiro plano Glaucia Magalhães, produtora. 
Em seguida as irmãs Walquíria e Claudete Andrade. Em pé, Marcos Thomaz, diretor de jornalismo e Josélio Careiro, repórter. À mesa, ao fundo, Célio Alves e em pé, Walter Nogueira.

De segunda a sexta, das 18h às 19h, o ouvinte curte ‘Menu 105’(Bossa Nova e Lounge). Na segunda-feira, das 20h às 21h Renato Félix apresenta Trilha Sonora, as mais belas músicas de filmes. Na terça, no mesmo horário, Cristovam Tadeu apresenta ‘Especial MPB’. Na quarta o ouvinte curte ‘Música do Mundo’, com Carla Freire. Na quinta, ‘Aumenta que é rock, com Eliseu Lins e Marcos Thomaz, até às 22h. Ainda na quinta-feira, das 22h a meia noite, ‘Espaço Cultural’, com Arthur Cabrueira. Na sexta-feira, até às 23h, Dado Belo apresenta ‘Transa Reagge’.

Alô Comunidade, na Tabajara AM

Josuel Barriga de Mel é o locutor forrozeiro da Rádio Comunitária Diversidade do Jardim Veneza, o verdadeiro rei da fuleiragem, um cara engraçado e inteligente, comunicador do povão.

Gravamos entrevista com Josuel que vai ao ar hoje, sábado (06), às 14 horas pela Rádio Tabajara AM, no programa Alô comunidade. Amanhã (domingo) você pode ouvir o programa no blog da Rádio Zumbi: www.radiozumbijp.blogspot.com

Ele comanda um irreverente programa de música regional com grande sucesso na comunidade, onde tem um carisma especial. Com sua imensa barriga, Josuel dança no estúdio imitando o cantor Genival Lacerda.

No programa de hoje comparecem o governador Ricardo Coutinho, a banda de rock Unidade Móvel, o MC Pano com seu funk do bairro da Torre em João Pessoa, a rapaziada da comunidade São Rafael, o poeta Jessier Quirino, o forrozeiro Genival Lacerda e um áudio especial da TV Cultura sobre rádios comunitárias.

 Programa Alô comunidade

 14:hs – Rádio Tabajara AM – 1.110 KHZ

 O espaço das rádios comunitárias na emissora do Estado da Paraíba.

 Acesse a Tabajara online para ouvir em tempo real:

 www.radiotabajara.pb.gov.br

------------------------------------------------------------------------------------------------------

No domingo o programa está no blog da Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares:

 www.radiozumbijp.blogspot.com


Edglês Silva

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Programa ‘Paraíba, Terra Forte’, na Tabajara aborda políticas públicas da Agricultura

Estreou na rádio Tabajara, o programa ‘Paraíba, Terra Forte’, produzido pela assessoria de comunicação da Secretaria do Desenvolvimento Agropecuária e Pesca da Paraíba (Sedap). O programa vai ao ar todas as sextas-feiras, tem duração de cinco minutos, é apresentado pelos jornalistas Fábia Carolino e Richelle Bezerra e integra a edição do programa ‘Revista Estadual’, que é reproduzido por uma cadeia de mais de 20 emissoras de rádio na Paraíba.

O secretário da Sedap, Marenilson Batista, participou do programa e conclamou os agricultores a acompanharem semanalmente as edições inéditas do ‘Paraíba, Terra Forte’. Ele disse que o programa atende orientação do próprio governador Ricardo Coutinho, para detalhar as “informações sobre as políticas públicas colocadas à sua disposição, bem como divulgar as ações desenvolvidas na Paraíba pelo Governo do Estado através da Secretaria do Desenvolvimento da Agropecuária e Pesca”.

O programa ‘Paraíba, Terra Forte’ trará todas as semanas informações sobre temas importantes de interesse direto dos agricultores paraibanos. A primeira edição veiculou informações sobre os últimos dias da campanha de febre aftosa. O programa também é produzido pelas assessorias da Emater, Interpa, Emepa e Empasa.

Fábia Carolino, foto de José Lins

A jornalista Fábia Carolino, que apresenta e edita o ‘Paraíba, Terra Forte’, ressaltou o ineditismo da iniciativa da Sedap, que disponibiliza de mais uma ferramenta de informação voltada ao homem do campo. “Os agricultores e produtores paraibanos podem acompanhar todas as sextas-feiras um programa feito exclusivamente para eles. O programa tem uma linguagem fácil, com informações diferenciadas em cada edição, com muita prestação de serviços”, afirmou.

O secretário Marenilson Batista enfatizou ainda que o programa de rádio ‘Paraíba, Terra Forte’ tem o objetivo principal de levar informações para melhorar a vida das pessoas do campo.

Fábia Carolino observou que o programa de rádio da Sedap também integrará as empresas vinculadas, como a Emater, a Emepa, a Empasa, o Interpa, além do Projeto Cooperar. “Todos esses órgãos têm informações importantes sobre as políticas públicas implementadas pelo Governo do Estado, para produtores e agricultores paraibanos”, disse.



quarta-feira, 13 de julho de 2011

A Rádio Tabajara apresenta: Projeto Paraibano Como Você

A Rádio Tabajara presta homenagem aos grandes nomes da Paraíba, na música, na literatura, em diversas áreas. No projeto Paraibano Como Você, a iniciativa de Cristovam Tadeu, jornalista, humorista e atual diretor de operacional da Tabajara, presta um grande serviço aos paraibanos, crianças, jovens, adultos, enfim, a todos, informando, destacando o perfil de paraibanos ilustres.  Veja abaixo os primeiros textos desta oportuna iniciativa de Cristovam Tadeu.


Pesquisa e Texto: Cristovam Tadeu
Diretor de Operações da emissora


O escritor, poeta e dramaturgo Ariano Suassuna nasceu em João Pessoa. Escreveu clássicos do teatro brasileiro como o Auto da Compadecida, hoje um dos recordes de bilheteria no cinema nacional. Criador do movimento Armorial e do romance A Pedra do Reino, entre outras obras, Ariano viveu parte de sua infância e adolescência em Taperoá, absorvendo toda cultura popular, base dos seus escritos. Ariano Suassuna, nasceu em João Pessoa e é Paraibano como você.

Chico Cesar nasceu em Catolé do Rocha. Filho de agricultores, Chico viveu as suas primeiras experiências musicais quando trabalhou numa loja de discos ainda em Catolé. Mudou-se para João Pessoa e encontrou a musicalidade do grupo Jaguaribe Carne dos irmãos Pedro Osmar e Paulo Ró. Em São Paulo, já nos anos 80, Chico lançou o seu primeiro disco. Como compositor teve musicas gravadas por diversos astros da MPB. Chico Cesar, nascido em Catolé do Rocha é paraibano como VOCÊ

O poeta Augusto dos Anjos, nasceu no Engenho Pau D’arco, em Sapé. Escreveu os seus primeiros versos aos 7 anos de idade. Foi aluno e professor do Lyceu Paraibano e de escolas do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Escreveu o único livro, Eu, que foi traduzido e estudado em diversas línguas. Augusto dos Anjos é considerado um dos mais importantes poetas da literatura Brasileira. Augusto dos Anjos, nasceu em Sapé, é Paraibano como você.


O escritor, poeta e compositor Bráulio Tavares, nasceu em Campina Grande. Escreveu diversas peças de teatro, entre elas “Trupizupe o Raio da Silibrina”. Como compositor é parceiro habitual do cantor Lenine. É também poeta e pesquisador de literatura fantástica e ficção cientifica. Escreveu os romances A Máquina Voadora, A Espinha dorsal da memória e Mundo Fantasmo. Bráulio Tavares, nasceu Campina Grande, é paraibano como você.

O economista Celso Furtado é de Pombal. Estudou no Lyceu Paraibano e no Rio de Janeiro foi aluno da Faculdade Nacional de Direito e na Universidade Federal. Em 1946 ingressou no curso de doutorado da Universidade de Sorbonne em París onde também foi professor. Foi o primeiro ministro de Planejamento do Brasil no governo João Goulart. Criou a SUDENE e seu livro Formação Economica do Brasil ainda é profundamente estudado. Foi também professor de várias universidades dos Estados Unidos. Celso Furtado,nasceu em Pombal, é Paraibano como Você.

O compositor e cantor Zé Ramalho nasceu em Brejo do Cruz. Com a morte prematura do seu pai, foi criado pelo avô ,dedicando-lhe a canção AVOHAI. Passou a infância em Campina Grande e a adolescência em João Pessoa onde tocou em várias bandas de Baile. Dono de um estilo próprio e inimitável. Em 30 anos de carreira lançou 23 discos. Zé Ramalho é de Brejo do Cruz, Paraibano como você.

O Cantor, ritmista e compositor Jackson do Pandeiro é filho de Alagoa Grande. Considerado o Rei do Ritmo, Jackson começou sua carreira aos 35 anos de idade quando gravou seu primeiro sucesso, Sebastiana em 1953. A carreira artística de Jackson do Pandeiro durou 29 anos e ele gravou mais de 30 discos, todos sucesso na Musica Popular Brasileira. Jackson do Pandeiro, nasceu em Alagoa Grande e é Paraibano como você.

Leandro Gomes de Barros, nasceu em Pombal em novembro de 1865. É considerado como o primeiro escritor brasileiro de literatura de cordel e escreveu mais de 230 obras. No seu tempo, era chamado de O Primeiro sem Segundo, e ainda é considerado o maior poeta popular do Brasil autor de cordéis clássicos e campeão absoluto de vendas de folhetos. Leandro Gomes de Barros, nasceu em Pombal, é Paraibano como você.

O pintor João Câmara Filho nasceu em João Pessoa, Paraíba, em 1944. Estudou no curso livre da Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Pernambuco, entre 1960 e 1963. Um dos mais respeitados artistas plásticos do Brasil com trabalhos como: Cenas da Vida Brasileira, Dez Casos de Amor e a série Duas Cidades. Fez exposições coletivas e individuais no Brasil e no exterior. João Câmara, nasceu em João Pessoa, é Paraibano como você.

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Três internautas ganharam o livro Tabajara a Rádio a Paraíba

Confira os três sorteados da promoção que realizamos. Oferecemos 7 livros 'Tabajara a Rádio da Paraíba' mas apenas 3 internautas retuitaram. Confira no link abaixo os ganhadores.

http://sorteie.me/1QdA3v

Pedimos que os ganhadores nos envie e-mail para combinar a entrega do livro: joseliocarneiro@gmail.com

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Livro sobre a história da Rádio Tabajara será sorteado com internautas e ouvintes

Em agosto, comemora-se o aniversário de 12 anos da Rádio Tabajara FM 105.5, este blog vai presentear internautas e ouvintes da emissora com 7 (sete) exemplares do livro 'Tabajara - a Rádio da Paraíba', obra publicada em 2002 pelo governo do estado, através do jornal A União.


O livro, contém dezenas de fotografias antigas e depoimentos de locutores, ex-diretores da Tabajara, gente que fez e faz a história de uma das mais antigas emissoras de rádio do Brasil, a Tabajara AM 1.110.

A FM foi inaugurada com grande festa na Praça do Povo do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, ao som da Orquestra Tabajara sob a regência do maestro Severino Araújo. O livro foi produzido pelo signatário deste blog, Josélio Carneiro, que é repórter da Tabajara desde janeiro de 1989.

O sorteio dos sete exemplares do livro será  nesta quinta-feira,7 de julho de 2011, um mês antes do aniversário de 12 anos da Tabajara 105.5 FM.  Publicaremos aqui os nomes dos sorteados e eles poderão entrar em contato pelo seguinte e-mail para saber como receber o livro: joseliocarneiro@gmail.com

Ainda há tempo, participe do sorteio:

Escreva a seguinte frase em seu twitter: quero ganhar o livro Tabajara a Rádio da Paraíba http://kingo.to/D3P

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Vem aí o Festival Tabajara de Música

Em 1993, quando eu era presidente da Associação dos Servidores da Rádio Tabajara (Assert), idealizei o Projeto Tabajara - Resgatando a Memória da Rádio da Paraíba. Em 2002 consegui que o Governo publicasse o livro. A diretoria da emissora naquela época (Genésio de Sousa, superintendente), organizou a Galeria dos Ex-presidentes da rádio. O projeto incluia ainda o Memorial da Tabajara e a gravação de um CD com artistas paraibanos.

Quem sabe a Orquestra Tabajara presente na
grande final ou no lançamento do CD do Festival?

Em 2003 coloquei no papel e apresentei a proposta do Festival Tabajara de Música. Entreguei cópias ao secretário de Comunicação do Estado, ao superintendente da Rádio Tabajara, ao superitendente do Jornal A União, à subsecretária de Cultura e ao então secretário da Educação.

Bem, a boa notícia é que a atual superintendente da Rádio Tabajara, Maria Eduarda Santos, está determinada a realizar o Festival Tabajara de Música. Desejo muito participar desse projeto, colaborando, ajudando na sua formatação. Convidado pela superintendente ontem, irei à Tabajara, levar algumas ideias.

Acredito que o secretário da Cultura, Chico César, o secretário de Comunicação, Nonato Bandeira, o superintendente de A União, Ramalho Leite, dentre outros integrantes do Governo Ricardo Coutinho abraçarão este projeto cultural que vai ser mais uma oportunidade para os talentos paraibanos soltarem a voz.

Na proposta que elaborei em 2003 o festival teria a grande final em João Pessoa e quatro eliminatórias em Campina Grande, Guarabira, Monteiro e Cajazeiras. A ideia do festival de música certamente sairá do papel e particularmente ficarei feliz por sua realização, na condição de repórter da Tabajara há 22 anos e pessoa interessada em eventos culturais.

Poetas, compositores, intérpretes, preparem o coração, a viola, as canções e soltem a voz, o Festival Tabajara de Música acontecerá em 2012, creio eu. E os vencedores gravação CD.

Por: Josélio Carneiro

terça-feira, 21 de junho de 2011

Eles são paraibanos como você

O Mestre Ariano Suassuna,
nascido na capital, é paraibano como você

De parabéns a direção da Rádio Tabajara pela homenagem que vem prestando a grandes nomes da Paraíba. Chico, César, Ariano Suassuna, Celso Furtado, Marcélia Cartaxo, Sivuca, e tantos outros nomes são temas dos spots que estão no ar no dia-a-dia da emissora.

Além de homenagem a iniciativa presta um serviço, nem sempre os ouvintes sabem onde nasceu determinado paraibano  ilustre, assim como os mais jovens também são informados e levados a valorizar os talentos de nosso sublime torrão.

Nota dez à superintendente Maria Eduarda Santos e ao diretor de programação, Cristovam Tadeu, alías, um artista que também deve figurar neste projeto que destaca grandes nomes da Paraíba.

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Programa ‘Paraíba, Terra Forte’, na Tabajara, aborda políticas públicas da Agricultura

Na Rádio Tabajara, o ouvinte conta agora com o programa ‘Paraíba, Terra Forte’, produzido pela Assessoria de Comunicação da Secretaria do Desenvolvimento Agropecuária e Pesca da Paraíba (Sedap). O programa vai ao ar todas as sextas-feiras, tem duração de cinco minutos, é apresentado pelos jornalistas Fábia Carolino e Richelle Bezerra e integra a edição do programa ‘Revista Estadual’, que é reproduzido por uma cadeia de mais de 20 emissoras de rádio na Paraíba.

Agricultura orgânica em Alagoa Grande
(Foto Antonio David/Secom-PB)

O secretário da Sedap, Marenilson Batista, disse que o programa atende orientação do próprio governador Ricardo Coutinho, para detalhar as “informações sobre as políticas públicas colocadas à sua disposição, bem como divulgar as ações desenvolvidas na Paraíba pelo Governo do Estado através da Secretaria do Desenvolvimento da Agropecuária e Pesca”.

O programa ‘Paraíba, Terra Forte’ trará todas as semanas informações sobre temas importantes de interesse direto dos agricultores paraibanos. A primeira edição veiculou informações sobre os últimos dias da campanha de febre aftosa. O programa também é produzido pelas assessorias da Emater, Interpa, Emepa e Empasa.

Agricultura orgânica em Alagoa Grande
(Foto Antonio David/Secom-PB)

A jornalista Fábia Carolino, que apresenta e edita o ‘Paraíba, Terra Forte’, ressaltou o ineditismo da iniciativa da Sedap, que disponibiliza de mais uma ferramenta de informação voltada ao homem do campo. “Os agricultores e produtores paraibanos podem acompanhar todas as sextas-feiras um programa feito exclusivamente para eles. O programa tem uma linguagem fácil, com informações diferenciadas em cada edição, com muita prestação de serviços”, afirmou.

O secretário Marenilson Batista enfatizou ainda que o programa de rádio ‘Paraíba, Terra Forte’ tem o objetivo principal de levar informações para melhorar a vida das pessoas do campo.

Fábia Carolino observou que o programa de rádio da Sedap também integra as empresas vinculadas, como a Emater, a Emepa, a Empasa, o Interpa, além do Projeto Cooperar. “Todos esses órgãos têm informações importantes sobre as políticas públicas implementadas pelo Governo do Estado, para produtores e agricultores paraibanos”, disse.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Rádio Tabajara e o Jornal A União na cobertura do Maior São João do Mundo

A Rádio Tabajara  vai transmitir programação especial do estúdio montado na Rua da Imprensa do Parque do Povo, levando para o ouvinte da tradicional emissora de rádio paraibana o melhor do Maior São João do Mundo, com a participação de artistas, músicos, cantores e convidados especiais.

Além de programas especiais de entrevistas e de músicas com artistas nordestinos expoentes da música popular brasileira, em parceria com o Museu Fonográfico de Campina Grande.

Esta é a segunda vez que a Rádio Tabajara se instala no Parque do Povo. A emissora montou estúdio menos duas vezes no Sítio São João, na programação paralela da mega festa junina campinense.

A equipe da Rádio Tabajara no Maior São João do Mundo é formada pelos jornalistas da sucursal de A União de Campina Grande, o gerente Edson Souza e os repórteres Xico Nóbrega e Eliabe Castor, com apoio da Superintendente da Tabajara, Maria Eduarda e do Superintendente do Jornal A União, do Diretor Administrativo, Arthur Viana e da Editora, Beth Torres.

“Nós vamos transmitir a programação junina de Campina Grande e região durante os dias da festa, de 20 as 23 horas, trazendo ao estúdio da emissora, autoridades, artistas, convidados e a animação do povo em geral no Parque do Povo”, diz o gerente campinense de A União.

Xico Nóbrega / Sucursal de Campina Grande

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Livro sobre a história da Rádio Tabajara será sorteado com internautas e ouvintes

Em agosto, comemora-se o aniversário de 12 anos da Rádio Tabajara FM 105.5, este blog vai presentear internautas e ouvintes da emissora com 7 (sete) exemplares do livro 'Tabajara - a Rádio da Paraíba', obra publicada em 2002 pelo governo do estado, através do jornal A União.


O livro, contém dezenas de fotografias antigas e depoimentos de locutores, ex-diretores da Tabajara, gente que fez e faz a história de uma das mais antigas emissoras de rádio do Brasil, a Tabajara AM 1.110.

A FM foi inaugurada com grande festa na Praça do Povo do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, ao som da Orquestra Tabajara sob a regência do maestro Severino Araújo. O livro foi produzido pelo signatário deste blog, Josélio Carneiro, que é repórter da Tabajara desde janeiro de 1989.

O sorteio dos sete exemplares do livro será quinta-feira dia 7 de julho de 2011, um mês antes do aniversário de 12 anos da Tabajara 105.5 FM.  Publicaremos aqui os nomes dos sorteados e eles poderão entrar em contato pelo seguinte e-mail para saber como receber o livro: joseliocarneiro@gmail.com

Como participar do sorteio

Escreva a seguinte frase em seu twitter: quero ganhar o livro Tabajara a Rádio da Paraíba http://kingo.to/D3P

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Governadores na Tabajara

A história da Rádio Tabajara AM é parte da história política, administrativa e cultural da Paraíba. Todos os governadores, a partir de 1937, ano de sua fundação, fizeram uso dos microfones da velha PRI-4 para divulgar suas ações de governo, realizarem seus pronunciamentos em entrevistas coletivas, solenidades.

A partir do segundo Governo Burity (1987-1991) teve início programa  semanal do governador. O nome do programa era Conversando com o Povo e o âncora era o jornalista Paulo Santos. O secretário de Comunicação do Estado era o jornalista Martinho Moreira Franco. Burity tinha interação com o ouvinte, respondendo cartas. O programa ia ao ar às 12h. Vieram então os governos Ronaldo Cunha Lima/Cícero Lucena; Antonio Mariz; Maranhão, Roberto Paulino, Cássio Cunha Lima, outra vez José Maranhão. Em 2003 Cássio inovou, mudou o horário do programa para às 7h. O entrevistador era o jornalista Adelton Alves, que também dirigiu a Tabajara.

 O atual governador Ricardo Coutinho faz seu programa semanal de rádio na segunda-feira, das 12h às 13h, com entrevista a Célio Alves.

 Caros internautas, participe deste blog, nos envie notas, depoimentos e fotos relacionadas à Tabajara, seja um colaborador, partilhe conosco suas informações.

Josélio Carneiro, com fotos do acervo da Fundação Casa de José Américo

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Programa “A Palavra é… Educação” estreia na Rádio Tabajara nesta sexta

O secretário de Estado da Educação, Afonso Scocuglia, lança nesta sexta-feira (20) o programa “A Palavra é … Educação”, que será transmitido pela Rádio Tabajara AM, todas as sextas-feiras, a partir das 7h. O programa também será exibido pela FM, mas será dividido em blocos com a duração de cinco minutos, que serão distribuídos pela programação da rádio.

O programa vai ter a mediação da jornalista Fernanda Medeiros e será mais um canal de comunicação entre a secretaria e a população, onde serão abordados assuntos da pasta, ações da secretaria, programas desenvolvidos, novidades e serviços.

“Nosso objetivo é estabelecer um canal de comunicação da Educação com toda a população da Paraíba. Vamos falar das nossas prioridades, projetos, disponibilizar um canal aberto com a comunidade educacional e também vamos saber dos desejos e reivindicações das pessoas e comunicar os caminhos que o governo vai seguir na educação”, destacou o secretário.

O programa também será transmitido, ao vivo, a partir das 7h, pelo site da Secretaria da Educação do Estado (www.paraiba.pb.gov.br/educacao).

 www.paraiba.pb.gov.br

terça-feira, 17 de maio de 2011

Livro sobre a história da Rádio Tabajara será sorteado com internautas e ouvintes

Em agosto, no aniversário de 12 anos da Rádio Tabajara FM 105.5, este blog vai presentear internautas e ouvintes da emissora com exemplares do livro Tabajara - a Rádio da Paraíba, obra publicada em 2002 pelo governo do estado, através de A União.
O livro, contém dezenas de fotografias antigas e depoimentos de locutores, ex-diretores da Tabajara, gente que fez e faz a história de uma das mais antigas emissoras de rádio do Brasil, a Tabajara AM 1.110.

A FM foi inaugurada com grande festa na Praça do Povo do Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, ao som da Orquestra Tabajara sob a regência do maestro Severino Araújo. O livro foi produzido pelo signatário deste blog, Josélio Carneiro, que é repórter da Tabajara desde janeiro de 1989.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

PB vai ganhar Vale dos Dinossauros revitalizado e Rodovia da Produção

O governador Ricardo Coutinho anunciou nesta segunda-feira (16) a construção da Rodovia da Produção e ações de revitalização do Monumento Natural Vale dos Dinossauros. A declaração de Ricardo foi feita durante o programa Fala Governador, da rádio Tabajara, que vai ao ar todas as segundas, das 12h às 13h.

Ricardo também confirmou a restauração da Igreja Nossa Senhora dos Remédios, em Sousa, e para Patos a retomada das obras do Rodo-Shopping e investimentos para a implantação do Distrito Industrial.

Rodovia da Produção – Em resposta ao ouvinte Heraldo Pordeus, da cidade de Sousa, o governador informou que a obra de construção da Rodovia da Produção está orçada em R$ 13 milhões e que pretende construí-la com recursos próprios do Tesouro do Estado. A Rodovia da Produção é um pleito dos empreendedores da região e sua pavimentação vai facilitar o escoamento da produção de coco e outros produtos do perímetro irrigado de Sousa.  “Eu sei o quanto essa rodovia pavimentada é importante para a economia e espero o mais rápido possível estar aí em Sousa para assinar essa ordem de serviço para fazer com a obra possa se estabelecer e atender no mais rápido espaço de tempo”, ressaltou.

Vale dos Dinossauros – Para a revitalização do Monumento Natural Vale dos Dinossauros, localizado na cidade de Sousa, no Sertão do Estado, Ricardo afirmou que uma parceria com a Petrobras, o Governo do Estado vai dispor de R$ 900 mil, sendo 400 mil para a intervenção física. O projeto envolve a PBtur e a Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema). O Governo está trabalhando na reestruturação da parceria com a Petrobras para recuperar a infraetrutura do parque (museu, pontes, trilhas). Há alguns anos o Vale dos Dinossauros está em péssimo estado de conservação. É preciso recolocá-lo no roteiro turístico do Sertão. O governador espera retomar em breve o convênio com a Petrobras. A produção do perímetro irrigado de São Gonçalo é escoada para o Sudeste do país e Sousa produz a melhor água de coco do país.

Igreja de Sousa – Sobre a igreja Nossa Senhora dos Remédios, na cidade de Sousa, que teve uma das torres desabada há alguns anos e mais recentemente a segunda torre também desabou, o governador Ricardo Coutinho afirmou o Governo continuará reconstruindo a primeira torre e parte do teto e agora o estado também vai assumir a reconstrução da segunda torre. O governador informou que logo após o segundo desabamento técnicos da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado da Paraíba (Suplan), já estiveram na igreja tomando as providências necessárias para incluí-la no conjunto das obras. O governador disse que o Estado vai assumir sim a reconstrução dessa segunda torre, bem como continuar as obras da primeira torre, do teto, enfim, de todo o conjunto de intervenções.

Ações em Patos – Um outro tema do programa Fala Governador foi o projeto do Rodo-shopping de Patos. O governador foi questionado por Oswaldo Motta, presidente da Associação Comercial de Patos, e afirmou que o Rodo-Shopping será equipamento com 40 lojas e o investimento será de R$ 2 milhões. O local vai contar com estacionamento para 400 veículos, e ainda abrigará a Casa da Cidadania. O Governo do Estado também está destinando R$ 1 milhão para implantação do Distrito Industrial da cidade.

Secom-PB

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Oduvaldo Batista, um jornalista fã da Rádio Tabajara

O jornalista Oduvaldo Batista, que faleceu em há alguns anos com mais de 80 anos de idade, é era um ouvinte e fã da Rádio Tabajara. Por sinal ele testemunhou em 1937 o surgimento da emissora PRI-4. No artigo 'Celeiro de Grandes Artistas', publicado nas páginas 82 e 83 do livro Tabajara - A Rádio da Paraíba, Oduvado Batista relata que a emissora é patrimônio cultural dos paraibanos. Ele tinha 14 anos quando a rádio foi inaugurada aos 25 de janeiro de 1937.

Viu surgir também a Orquestra Tabajara. Assistiu alguns ensaios da Big Band já sob a batuta de Severino Araújo. Na semana da Marinha, em 1937, Oduvaldo integrava a Companhia Quadrados, do XV RI, e um coral improvisado foi se presentar na rádio. O estúdio ficava no antigo prédio de A União, onde atualmente está construído o edifício da Assembleia Legislativa. "Ali, nauel antigo prédi, onde se fundou a Rádio Tabajara, muito foi realizado peo progresso cultural de nossa terra", recorda no texto o velho jornalista admirador de Fidel e de Cuba.

Por volta de 1944, de volta do Rio de Janeiro, Oduvaldo fundou com amigos amantes da boa música a Sociedade de Cultura Musical. Abelardo Jurema e Orlando de Vasconcelos dirigiam a Rádio Tabajara e abriram espaço aos domingos, de 12h às 13h, para um programa da Sociedade de Cultura Musical. O horário era dedicado às grandes obras de mestres da música universal.

Oduvaldo conta que em setembro de 1946 foi morar em Santos-SP, somente retornando a João Pessoa em 1976, quando assumiu a editoria geral do jornal O Momento, de Jório Machado. Nessa época voltou Oduvaldo a sintonizar a Tabajara. O jornalista finaiza seu texto sugerindo que a Tabajara poderia resgatar o passado com programas de auditório, aproveitando o celeiro de cantores e músicos paraibanos.

terça-feira, 3 de maio de 2011

Governador estreia programa anunciando recuperação de rodovias

O governador Ricardo Coutinho, em sua estreia no programa “Fala Governador”, transmitido pela rádio Tabajara FM e AM e pala rede formada por mais de 20 emissoras pela Tabajara Sat, anunciou que na próxima quinta-feira (5) estará na região do Cutimataú assinando a Ordem de Serviço da recuperação da PB- 177, que liga Soledade a Picuí, e da pavimentação do trecho Picuí a Frei Martinho, que atualmente é um acesso de barro.

O investimento nos dois trechos da PB-177 será de R$ 32,5 milhões, sendo R$ 26,4 milhões no trecho Soledade-Picuí e R$ 6,1 milhões, Picuí a Frei Martinho. Ele explicou que entre Soledade e Pilões o asfalto que existe hoje será todo retirado e receberá outro que ofereça melhores condições no acesso a uma região importante. “Essa é a rodovia mais cara do Estado com custo de mais de R$ 30 milhões, devido a sua extensão e pela péssima condição. Assim como se encontra a maioria das estradas estaduais do Estado”, comentou.

Foto: José Marques/Secom-PB


Ricardo destacou que as rodovias paraibanas já foram motivos de orgulho para o povo, mas que hoje estão destruídas. Ele garantiu que essa situação será paulatinamente resolvida com a implantação do programa “Caminhos da Paraíba”, maior projeto de recuperação de estradas do Estado, com 800 km de recuperação e pavimentação somente na primeira etapa e que será ampliada com um segundo empréstimo junto a Corporação Andina de Fomentos (CAF).

Dentre as estradas que já foram entregues pelo atual governo estão a PB 057 entre Mamanguape-Araçagi e a PB-087 entre Pilões- Areia. Estão em andamento mais oito trechos que em breve serão inaugurados.

A meta do governador, após a melhoria das condições financeiras, é agregar um determinado percentual para que mensalmente o Estado tenha a pavimentação de rodovias como uma política permanente e possa levar o asfalto a 54 cidades que ainda não possuem acesso asfáltico. “Isso é algo que quero marcar a minha gestão porque possibilitará um salto na economia das diversas regiões”, destacou.

Saúde - Na entrevista concedida ao radialista Célio Alves, o governador anunciou para o próximo mês a implantação de uma rede de hospitais de pequeno porte num investimento de R$ 5 milhões por mês. A rede contará com 49 hospitais de pequeno porte (públicos e privados) e mais 10 em municípios com população superior a 30 mil habitantes destinados a realizar e filtrar atendimentos de baixa complexidade deixando os regionais para atender os casos mais graves.

Outro anúncio foi a implantação de uma rede de saúde materna infantil para descentralizar a cobertura dos partos e acompanhamento neonatal. “As pessoas não estão tendo a oportunidade de nascerem nos seus municípios, e os municípios cujos números de partos sejam pequenos (2 ou 5 por mês) vamos referenciá-los em uma única maternidade próxima”, ressaltou Ricardo Coutinho.

O governador admitiu que a área de saúde passa por muitos problemas na Paraíba e no Brasil, e que não adianta dizer o contrário ou tentar enganar a população. Para o governador, a grande questão é a falta de organização do sistema e não apenas a criação de novos hospitais e serviços, que serão feitos como o Centro de Oncologia em Patos em beneficio de toda a população do Sertão. “Queremos organizar o SUS para descongestionar os grandes hospitais”, completou.

Para o governador, é essencial que os municípios de grande e médio porte invistam em serviços de média complexidade, e o governo trabalhará em parceria com os municípios sem olhar a sua cor partidária. “Hoje vai todo mundo para os hospitais regionais que ficam sobrecarregados porque não existe um filtro para pequenos atendimentos que deveriam ser tratados nas unidades de saúde ou em centro integral a saúde”.

Transmissão em cadeia e em vídeo – O Programa “Fala Governador” é um espaço semanal de interatividade do governador com a população. Ele será apresentado toda segunda-feira, ao vivo, de 12h às 13h, através da rádio Tabajara nos dois prefixos de João Pessoa (AM 1110 e FM 105,5) e da Rede Tabajara Sat, com mais de 20 rádios espalhadas por todas as regiões do Estado.

O formato do programa potencializa a interatividade da população com o governador. Nas próximas edições, as pessoas poderão fazer perguntas pelo telefone, além do twiter da rádio (@tabajara.pb) e também utilizando a palavra-chave #falagovernador.

A grande novidade é que o programa é transmitido também na internet. Assim, as pessoas além de ouvir, também podem ver o governador nos estúdios da rádio e acompanhar melhor a dinâmica do programa. O endereço eletrônico para assistir ao “Fala Governador” é o  www.ativawebgroup.com.br/govparaiba .

domingo, 1 de maio de 2011

‘Fala Governador’ estréia nesta 2ª

O governador Ricardo Coutinho inicia nesta segunda-feira (2) um novo canal de comunicação com a população paraibana. Trata-se do programa Fala Governador, onde o chefe do Executivo Estadual irá falar com ouvintes através da Rádio Tabajara todas as segundas, das 12h às 13h.

O programa estará sintonizado com os interesses da população, informando e interagindo assuntos de interesse do Estado. Através do telefone da rádio ou do Twitter, os ouvintes podem interagir com sugestões e perguntas sobre os ações do Governo.

Para a superintendente Duda Santos, “a Rádio Tabajara é premiada ao passar a contar com um programa ao vivo toda semana com a participação do governador, que se preocupa em responder aos questionamentos da população, avaliando ações e anunciando melhorias para a qualidade de vida do povo paraibano”.

O comando do Fala Governador ficará a cargo do radialista Célio Alves. Para ele, o programa passa a criar um diálogo permanente toda semana do governador com a população, com enfatizando as opiniões e questionamentos dos ouvintes.

Para interagir com o programa os ouvintes podem participar através do telefone da rádio (3218-7933/7934) ou pelo Twitter, utilizando a palavra-chave #falagovernador.

O Fala Governador será transmitido pela Rádio Tabajara nos dois prefixos de João Pessoa (AM 1110 e FM 105,5) e da Rade Tabajara Sat, com mais de 20 rádios espalhados por todas as regiões do Estado. 


Secom-PB

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Jornalismo autêntico na Rádio Tabajara

A Rádio Tabajara deixa o ouvinte bem informado durante toda sua programação, mas, dois noticiários são os destaques da emissora do governo da Paraíba. A supervisão geral é da radialista Maria Eduarda Santos, diretora superintendente da Rádio Tabajara.

O Jornal Estadual, noticiário no ar há mais de 40 anos, é apresentado hoje por Ulisses Barbosa e Michele Veronese, no horário das 6h às 7h, de segunda a sexta-feira, e em rede estadual de rádio.  Na direção de jornalismo Marcos Thomáz. Nara Souto e Gláucia Magalhães respondem pela edição e produção, respectivamente. Na reportagem: Fernanda Medeiros, Josy Aquino, Sandra Bárcia, Josélio Carneiro, Pedro Alves, Odonildo Dantas e Sérgio de Andrade.

O outro programa jornalístico da Tabajara é o Fala Paraíba, apresentado por Célio Alves, de 12h às 14h, também em cadeia de rádio no Estado.  Na reportagem Edmilson Pereira, Pedro Alves e  Walter  Nogueira. Os dois noticiários são transmitidos pela Tabajara AM 1.110 e pela Tabajara FM na frequência 105.5.

sábado, 23 de abril de 2011

Maestro Severino Araújo, grande líder da Orquestra Tabajara, completa 94 anos hoje

Por: Josélio Carneiro – João Pessoa-PB-Brasil

Ao mestre do clarinete, toda sua família e músicos da Orquestra Tabajara

O jornal A União, de João Pessoa-PB, presta homenagem hoje ao maestro, clarinetista, compositor e arranjador Severino Araújo, o grande líder da Orquestra Tabajara. Dedica uma página inteira do caderno Palco, ao mestre, autor do chorinho ‘Espinha de Bacalhau’ e outras obras-primas completa neste 23 de abril 94 anos de vida, toda ela dedicada à música de qualidade. O endereço de A União online é jornalauniao.blogspot.com. O acesso pode ser também através do portal do governo da Paraíba: www.paraiba.pb.gov.br.

Entrevista a Josélio Carneiro, em 1996, João Pessoa-PB

Nascido em Limoeiro-PE, no ano de 1917, Severino Araújo é filho de José Severino de Araújo (Mestre Cazuzinha) e de dona Amélia Araújo de Oliveira. Seu pai, autodidata, era regente de bandas de música e compositor. Atuou nos municípios pernambucanos de Surubim e Cedro e nos distritos de Floresta dos Leões e Chã do Rocha, além das cidades paraibanas de Aroeiras e Ingá. O menino cresceu aprendendo as lições do pai e logo tomou gosto pela música.

No clarinete, Severino Araújo e sua orquestra 
na inauguração da Rádio Tabajajara FM, João Pessoa, 1999

Severino Araújo na Rádio Tabajara, em 2005, 
recebendo de Josélio Carneiro o livro Tabajara - A Rádio da Paraíba
Com a Orquestra Tabajara ganhou fama no Brasil e França, Argentina, Uruguai onde a Big Band se apresentou. A  Tabajara é a mais antiga  orquestra de bailes do Brasil em atuação e Severino Araújo detém o recorde de regência, assumiu a batuta de 1938 a 2005. Nosso último encontro com o mestre foi em 2005 na Rádio Tabajara, em João Pessoa. Na ocasião uma equipe do Rio de Janeiro estava gravando um documentário sobre Severino e a orquetra. Naquele dia autografei e entreguei ao maestro meu livro Tabajara – A Rádio da Paraíba.

O maestro no Twitter - Recentemente o grande nome da música instrumental brasileira e mundial decidiu marcar presença no Twitter, uma oportunidade dos fãs interagirem com o mestre do clarinete e dos arranjos mais perfeitos para orquestras. No Twitter, expressamos ao maestro a ideia que temos da Orquestra Tabajara ser homenageada na Paraíba com a gravação de um DVD. No repertório, músicas de artistas paraibanos. Seria um marco histórico para a cidade de João Pessoa, terra onde nasceu a orquestra em 1933. O Clã Araújo divulgou o twitter de Severino. Anotem aí: @tabajaraujo. Sigam um dos maiores fenômenos da música instrumental dos últimos 70 anos.

Severino Araújo mora no Rio de Janeiro, em Ipanema. Para a ‘cidade maravilhosa’ partiu em meados da década de 1940, quando com a cara e o talento que Deus lhe deu decidiu junto com dois dos cinco irmãos viver da música na então capital do país. O resultado é que em poucos dias os manos começaram a fazer sucesso e daí para a fama não durou muito.

De acordo com o músico e pesquisador Sevy Falcão, em artigo no livro de nossa autoria ‘Tabajara – 65 anos – A Rádio da Paraíba’, Severino Araújo é cidadão paraibano através de título concedido pela Assembleia Legislativa. A proposição é de 1985, de autoria do então deputado e presidente do Poder Legislativo da Paraíba, Evaldo Gonçalves, a partir de sugestão do pesquisador e compositor Newton Marinho.

 Severino Araújo integrou o cast da Rádio Tabajara de 1937 (ano de inauguração da emissora) até 1944, quando o paraibano de Umbuzeiro, Assis Chateaubriand, então embaixador e dono dos Diários Associados, incentivou-o a seguir para o Rio de Janeiro. Na Rádio Tabajara, além de dirigir a Jazz Tabajara,  Severino Araújo também foi programador musical por isso tinha acesso ao grande acervo de discos e partituras com os arranjos das orquestras de Benny Goodman, Tommy Dorsey, Glenn Miller, dentre outras.  Igualmente ao pai, Severino Araújo era autodidata e somente estudou música no Rio, em 1952, com o alemão Hans koelleheuter.

Nos contou o maestro que a Orquestra Tabajara fazia o programa na rádio das 20h às 22h30, de segunda a sexta-feira. Depois os músicos sintonizavam as rádios americanas para ouvir as orquestras de jazz. Nos finais de semana haviam os bailes nos Clubes Astreia e Cabo Branco. A orquestra também acompanhava as grandes atrações nacionais que se apresentavam no palco da Rádio Tabajara.

 Nos anos 1940 o Governo da Paraíba construiu o Hotel Instância Termal Brejo das Freiras, município de São João do Rio do Peixe. A Orquestra Tabajara foi enviada para a festa de inauguração do hotel que teve a presença do então governador Ruy Carneiro. O diretor da Rádio Tabajara, nesta época, era Abelardo Jurema.
Na cidade maravilhosa os irmãos Araújo foram contratados, no começo, pela Rádio Tupi e pelo Copacabana Palace.  Depois vieram os contratos com a TV Tupi, Rádio Mayrink Veiga, Rádio Nacional e TV Rio. 1945 – estréia da Orquestra Tabajara na Rádio Tupi. Gravação do primeiro disco em 76 rotações.  Início dos bailes de formatura. 1948 – O cantor da orquestra era Jorge Tavares, que pertenceu ao cast da Rádio Tabajara. Conhecido como o cantor Palmolive, Jorge Tavares imitava Francisco Alves.

1951 – A Orquestra Tabajara faz o programa de inauguração da TV Tupi. E os músicos continuaram tocando também na Rádio Tupi. Show em Recife e em João Pessoa, pela primeira vez depois de Severino ter deixado a Paraíba em 1944. 1952 – Levados por Assis Chateaubriand, Severino e sua orquestra animaram um baile  em Paris. Foram trinta dias na França. 1955 – Carnaval de  trinta dias em Montevideo, capital do Uruguai. 1955 a 1959 – Severino e Orquestra são contratados da Rádio Mayrink Veiga, do Rio. 1958 – Surge a orquestra Românticos de Cuba. Uma parceria de Severino Araújo e Nilo Sérgio. O nome do maestro não aparecia porque ele era artista exclusivo da gravadora Continental. 1961 – Severino Araújo assina contrato para fazer o carnaval de Buenos Aires, Argentina. Trinta dias de bailes. 1962 – Contrato com a Rádio Nacional.  1964 – Contrato com a TV Rio. 1968 – Após 35 anos de música Severino Araújo resolveu se aposentar. Não assinaria contratos com rádios ou TVs. 1972 – Severino e a Orquestra começam a gravar com cantores. O primeiro foi Martinho da Vila. Depois o disco de Jamelão. Nos anos seguintes até 2005 ele continuou comandando a Orquestra Tabajara.

Origem da Orquestra Tabajara - A orquestra foi fundada na capital paraibana em 1933 pelo maestro e violinista Olegário de Luna Freire e seu amigo saxofonista Oliver Von Shosten, com o nome Jazz Tabajara. Em 1938, um ano após o ingresso de Severino Araújo, o maestro Olegário falece e Severino é convidado e assume a regência daquela que se tornaria, por seu talento e de seus irmãos e demais músicos, uma das mais famosas orquestras de música popular do mundo.

Antes da Orquestra Tabajara Severino Araújo, em 1936, era sargento da Polícia Militar e músico da Banda da PM. Em uma das entrevistas que nos concedeu em João Pessoa, no ano de 1996, o maestro  revelou que em 1928 passou a tocar clarinete, instrumento que toca até hoje.

A entrevista com Severino Araújo foi gravada na noite do sábado 28 de setembro de 1996, em um restaurante de João Pessoa, antes do baile da Orquestra Tabajara no Clube Cabo Branco. No domingo, 29, a Big Band já estava no Rio de Janeiro em mais um baile, o de número 13.142.  Em 96 o maestro estava com 76 anos.

 Severino nos falou da origem da Orquestra Tabajara, seu ingresso nela, em 1937, ano de fundação da Rádio Tabajara. Ele participou da inauguração da PRI-4. Severino Araújo falou ainda sobre sua ida para o Rio, os shows internacionais: 30 dias em Paris, em Montevideo foram 40 dias no carnaval de 1955, em Buenos Aires a temporada foi no ano de 1961.

Livro  -A estimativa é de que a Orquestra Tabajara já foi assistida por mais de 20 milhões de pessoas. Em 2010 o memorialista e escritor Carlos Coraúcci publicou, pela Companhia Editora Nacional, o livro “Orquestra Tabajara de Severino Araújo – a vida musical da eterna big band brasileira”.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Tributo a um mestre da música brasileira

Neste sábado, 23, publicaremos aqui uma matéria sobre importante personagem da música instrumental brasileira e talvez mundial. Por oito anos ele integrou o cast da Rádio Tabajara. Depois conquistou fama no Brasil. 

Você vai conhecer um pouco de sua trajetória neste blog. Aguarde!  Ele é o cara! Um exemplo de vida, de talento na música de qualidade. Muitos o consideram o músico tecnicamente perfeito. Até amanhã.

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Veja em detalhes a programação da Rádio Tabajara AM

Aos internautas interessados a programação da Rádio Tabajara AM, frequência 1.110, gentilmente nos enviada pelo diretor de operações da emissora, jornalista Cristovam Tadeu.



PROGRAMAÇÃO RÁDIO TABAJARA AM – 2011

FORRÓ CLASSE A
DE SEGUNDA A SEXTA – 04:00 ÀS 05:00
DE REPENTE, A VIOLA – COM SEVERINO PAULO
DE SEGUNDA A SEXTA – 05:00 ÀS 06:00
JORNAL ESTADUAL
SEGUNDA A SEXTA FEIRA
DAS 6:00 ÀS 7:00 HORAS  (EM CADEIA COM A FM E RÁDIOS DO INTERIOR)
RESENHA ESPORTIVA
DAS 7:00 ÀS 8:00
INFORMATIVO TABAJARA
SEGUNDA A SEXTA – 9:00 – 10:00 – 11:00 – 14:00 – 15:00 – 16:00 – 17:00
ALEGRIA MATINAL  - VARIEDADES
DOMINGO A SEXTA FEIRA – DAS 8:00 ÀS 11:00
APRESENTAÇÃO – AIRTON JOSÉ (BOLINHA)
BOLA NA REDE – 1º TEMPO - RESENHA ESPORTIVA
DE SEGUNDA A SEXTA – 11:00 ÀS 12:00
FALA, PARAÍBA !
DE SEGUNDA A SEXTA – 12:00 ÀS 14:00
(EM CADEIA COM A FM E MAIS 20 EMISSORAS)



A TARDE É NOSSA – VARIEDADES
DE SEGUNDA A SEXTA
DAS 14:00 ÀS 17:00
APRESENTAÇÃO -  JOSY AQUINO

PROGRAMAS ESPECIAIS DA SEMANA (SEG A SEX)
ACESSO CIDADÃO
TERÇAS-FEIRAS - DAS 18:00 ÀS 19:00
PONTO DE EQUILIBRIO
 QUARTAS FEIRAS - DAS 17:00 ÀS 18:00 –  
PROGRAMA AFRO-BRASIL – COM MÃE RENILDA
SEXTAS – FEIRAS – DAS 18:00 ÁS 19:00

BOLA NA REDE – 2º TEMPO – RESENHA ESPORTIVA
DE SEGUNDA A SEXTA
DAS 20:00 ÀS 22:00

MICROFONE ABERTO – ESPECIAL ESPORTE – SEGUNDAS
DAS 20:00 AS 23:00
E POR FALAR EM SAUDADE
DAS 22:00 AS 00:00
SHOW DA MADRUGADA – LUIZINHO DO PAGODE
DA 00:00 ÀS 4:00


SÁBADO ESPECIAL
DE 6:00 AS 7:00 – JORNAL TABAJARA
DE 7:00 AS 7:30 – JUSTIÇA CIDADÃ
DE 7:30 ÀS 8:30 – POESIA POPULAR – O CANTO DA POESIA
DAS 8:30 ÀS  9:30 – REFLETINDO A VIDA
DAS 9:30 ÀS 10:00 – PROGRAMA DA IGREJA DAS MERCÊS
DAS 10:00 ÀS 11:00 – ZONA LIVRE – UFPB
DAS 11:00 ÀS 12:00 – ESPAÇO EXPERIMENTAL – COMUNICAÇÃO UFPB
DAS 12:00 AS 14:00 – BOLA NA REDE ESPECIAL
DAS 14:00 ÀS 15:00 – ESPORTE
DAS 15:00 ÀS 17:00 – ACERVO TABAJARA – MUSICA
DAS 18:30 ÀS 19:00 – MUSICA CLASSICA
DAS 19:00 ÀS 20:00 – SANTA MISSA
DAS 20:00 AS 22:00 – BREGA SHOW
DAS 22:00 À  00:00 – E POR FALAR EM SAUDADE
DA  00:00 ÀS 5:00 – CADEIA COM RÁDIO NACIONAL

DOMINGOS
DAS 5:00 ÀS 6:00 – ACERVO TABAJARA
DAS 6:00 ÀS 8:00 – DOMINGO NO RÁDIO – PESSOA JR. VARIEDADES
DAS 8:00 AS 9:00 – GASPAR – MUSICAS INESQUECIVEIS  
DAS 9:00 AO MEIO DIA – BIG SHOW DO BOLINHA
MEIO DIA EM DIANTE – ESPORTES
20:00 – OU A HORA QUE O ESPORTE TERMINAR – ACERVO TABAJARA
00:00 À 5:00 – CADEIA COM A RADIO NACIONAL